Mineirinho honesto no bordel

COME-QUIETO CUMPRE O PROMETIDO

A cafetina abre a porta do bordel e se depara com um mineirinho vestido muito modestamente.

- Pois não? —pergunta ela.

- Eu quero a Maria Amélia —responde o mineirinho.

- Meu senhor —argumenta a cafetina—, a Amélia é uma de nossas mulheres mais caras. Talvez eu possa lhe apresentar alguma outra...

- Não, obrigado, eu quero mesmo é a Amélia —insiste o mineirinho.

Então a lindíssima Amélia aparece e diz ao velhinho que o preço dela é 1.000 dólares por visita. O homem nem pisca e, tirando o dinheiro da carteira, diz que está tudo bem.

Então, ela o leva ao seu quarto, onde ele fica uma hora, faz de tudo e mais um pouco, e sai tranquilamente.

Na noite seguinte, o mineirinho aparece novamente e pede pela Amélia. Ela estranha, e diz que nenhum cliente dela veio duas noites seguidas, e que ela não dará nenhum desconto. O mineirinho tira mais dez notas de 100 dólares e as entrega à moça, que o leva para o quarto onde ele passa uma hora, fazendo coisas que ninguém no bordel sequer conhecia.

Quando ele chega na noite seguinte, ninguém acredita. Mais uma vez ele entrega o dinheiro à moça, e ela o leva para o quanto dela.

Depois da hora que passaram juntos, Amélia, exausta, não resiste e pergunta ao mineirinho:

- Ninguém usou meus serviços três noites seguidas. De onde você é?

- Sou da cidade (...) , no sul de Minas —responde o come-quieto.

- Sério?! —se surpreende Natalia. Eu tenho uma irmã rica que mora justamente nessa cidadezinha.

- Eu sei —responde o mineirinho. Foi ela que me pediu para te entregar 3 mil dólares...

 

*********************

(O Sampa Indica acaba de entrar na rede e ainda está sendo editado  de forma experimental - Conheça as outras páginas e colabore com suas críticas e sugestões)

 

 

YanoneKaffeesatz|YanoneKaffeesatz fwR left|YanoneKaffeesatz fwR b05n bsd|sbww c10|c10|image-wrap|news login b01 c05 bsd|b01 c05 bsd|b01 c05 bsd|login news b01 c05 bsd|b01 c05 bsd|b01 c05 bsd|content-inner||